Teatro das Figuras

MOÇOILAS COM MARIA JOÃO

Quinta-feira | 21h00

05 de setembro de 2019

ARTISTA FIGURAS 2019
Festival F | Faro
5 de setembro de 2019
 
Um concerto improvável, surpreendente e ousado, juntando a diva do jazz e da música improvisada Maria João às singulares e irreverentes Moçoilas, grupo de três mulheres (Margarida Guerreiro, Inês Rosa e Teresa Silva) que interpretam a capella canções tradicionais do sul, de matriz mediterrânica. O mote para o espetáculo é o cruzamento de diversas latitudes musicais (Portugal, Brasil, África e outras) em que tradição e contemporaneidade se interpenetram para originar novas e criativas abordagens, num formato de grande cumplicidade artística e proximidade com o público.
 
A carreira de Maria João tem sido pautada pela participação nos mais conceituados festivais de música do mundo. Um percurso iniciado na Escola de Jazz do Hot Clube de Portugal e que, em poucos anos, extrapolou fronteiras, fazendo de Maria João uma das poucas cantoras portuguesas aclamadas no estrangeiro. O reconhecimento oficial da divulgação da cultura portuguesa pelo mundo valeu-lhe a comenda da ordem do Infante D. Henrique pelas mãos do presidente Jorge Sampaio. É também a única artista portuguesa a ter sido nomeada para o European Jazz Prize juntamente com Jamie Cullum e Bobo Stenson.
 
ARTISTA FIGURAS 2019
O Artista Figuras nasce em 2016 com o intuito de dar carta-branca a projetos algarvios com alguma relevância nacional, de modo a criarem ou dar a oportunidade de partilhar com o público, os seus espetáculos mais marcantes, em vários momentos que acontecem no Teatro das Figuras ou num evento organizado pelo mesmo.
Depois de em 2016 a cantora Viviane ter sido a Artista Figuras e em 2017, o pianista Júlio Resende, em 2019 desafiamos o projeto Moçoilas a ser Artista Figuras 2019, grupo que este ano tem a particularidade de comemorar 25 anos de existência.
Assim propusemos que pensassem em três espetáculos para acontecerem ao longo de 2019. O primeiro será a apresentação do novo álbum que acontecerá no dia 30 de abril. O segundo momento irá acontecer no Festival F, onde irão replicar o concerto criado por convite do Cine-Teatro Louletano que junta Maria João e as Moçoilas, sob direção musical de João Frade. O último momento será um projeto único, em estreia nacional, onde se juntam as Moçoilas com os Galadum Galundaina, dois projetos musicais sui generis, nos extremos de Portugal, com universos distintos, Serra do Caldeirão e Planalto Mirandês, mas que em comum têm a busca por sonoridades ancestrais, pela tradição, por um modo de vida passado, pela reinvenção desse mesmo passado.
 
Produção: TMF, SM e ALG Eventos